Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso websiteAo navegar com os cookies ativos consente a sua utiliza

Castelo Branco
sexta-feira
15-02-2019
Céu Pouco Nublado
Máx: 10º
|Mín: -3º

Ana Abrunhosa apontou Oleiros como um exemplo e uma referência no processo de reconstrução das habitações permanentes afetadas pelos incêndios

08 Fev, 2019

Ana Abrunhosa, presidente da CCDRC - Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, considera a Câmara de Oleiros como um exemplo e uma referência no processo de reconstrução das habituações permanentes afetadas pelos incêndios de 15 de outubro de 2017.

Esta observação foi feita durante a inauguração de 4 das 16 habitações que ficaram totalmente destruídas no incêndio. A reconstrução decorreu no âmbito do Programa de Apoio à Reconstrução de Habitações Permanentes.

A entrega formal decorreu no Salão Nobre, onde Fernando Jorge, presidente da Câmara de Oleiros, informou que por força das circunstâncias, o concelho foi “provavelmente o último a ter os projetos aprovados devido a várias vicissitudes”, mas afirmou que “não é culpa de ninguém”, em referido em nota enviada à nossa rádio pela autarquia local.

O autarca frisou que tudo “levou o seu tempo, e aqui, o trabalho do Gabinete Técnico do Município foi fundamental. E apesar de termos sido dos últimos a ter os projetos aprovados, penso que seremos o primeiro a concluir as casas na sua totalidade".

Já as primeiras palavras de Ana Abrunhosa, presidente da CCDRC, foram para as famílias, com a noção clara de para as famílias foi uma longa espera. A responsável fez questão de destacar que “Oleiros foi um exemplo e uma referência, pela facilidade de trabalho que nós temos com a equipa e com o Sr. Presidente, e depois pela seriedade com que esse trabalho foi feito".

Ana Abrunhosa agradeceu o apoio de todos e das empresas envolvidas e sublinhou que “em Oleiros, sem a intervenção direta do Sr. Presidente da Câmara e da sua equipa isto não seria possível."

Após a cerimónia formal, seguiu-se a visita simbólica a uma das habitações na aldeia de Álvaro, com a revelação de que estão previstas novas entregas de chaves para o final de fevereiro.

2019_05_WEB_radiocastelobranco.png

Fototeca

Música do Dia

Farmácia de Serviço

sexta-feira15-02-2019 Farmácia Ferrer Praça Rei D. José, 15
6000-118 Castelo Branco
Tel: 272322253
Serviço Permanente:
Das 09:00 do dia indicado até às 09:00 do dia seguinte
Farmácia de Reforço:
Só aos Sábados das 08:30 às 12:30 horas