Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pelo nosso websiteAo navegar com os cookies ativos consente a sua utiliza

Castelo Branco
quinta-feira
14-12-2017
Aguaceiros
Máx: 15º
|Mín: 9º

Município de Proença-a-Nova conclui Alienação da Proençatur

06 Out, 2017

A Câmara Municipal de Proença-a-Nova concluiu a alienação da totalidade da participação detida pela autarquia no capital social da sociedade anónima de capitais públicos e de âmbito municipal Proençatur, Empresa de Turismo de Proença.

A informação é divulgada em comunicado de imprensa, onde o Município revela que a conclusão da alienação, deu-se com a assinatura do contrato com a empresa que venceu a hasta pública realizada a 7 de fevereiro.

Desta forma, “o Hotel das Amoras, e a tenda e cozinha que funcionam em apoio, passa a ter gestão privada”.

No mesmo comunicado, o presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova, João Lobo, dá conta de que “(…) o Município não tem condições para gerir um equipamento hoteleiro, não é essa a sua vocação”.

O autarca considera que a expetativa da Câmara Municipal “é que o Hotel das Amoras continue a ser um equipamento âncora na atratividade da região e que potencie o turismo no concelho, promovendo também parcerias com outros agentes económicos”.

A alienação, que foi feita pelo valor de €650.500,00, foi aprovada pelo Executivo Municipal e pela Assembleia Municipal, por unanimidade, tendo em conta a situação de incumprimento face ao estipulado na Lei 50/2012 de 31 de agosto que impunha a alienação do Hotel das Amoras ou a internalização.